BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

quarta-feira, 9 de junho de 2010



... - Ela é tão estranha,
acho que dizer que ela é bipolar ainda é pouco
.
...

Ela não escreve a bastante tempo, é não é por falta de tempo
e talvez não seja por falta de criatividade, acho que é mais por falta de vontade mesmo.
Ela não tem mais a mesma intimidade com a escrita como ela tinha antigamente,
talvez porque ela tem certeza que quando se escreve se mostra a fragilidade que ela insiste tanto em esconder.
Ela ainda escreve em 3° pessoa, mais quando da na telha escreve em 1°, já que é pra mostrar sentimento, se mostra por inteira.
Ela não sabe dizer se tem mel, mais conquista garotos com tanta facilidade, talvez com a mesma facilidade que ela perde a graça por eles.
Agora pra ela gostar de verdade tem que ter um diferencial, um diferencial que ela procura em todos e nuuunca acha.
Talvez agora tenha encontrado ... ou não.
Ela engordou um pouquinho nos últimos tempos, mais dizem que isso fez bem pra ela, apesar dela não achar.
Ela não ta amaaaando a faculdade não, é mais difícil do que ela imaginava, mais até que ta gostando, notas ruins e notas boas e assim vai.
Ela tinha uma cor preferida, mais agora não a tem mais, ou melhor tem, mais já não é a mesma. Todos ainda dizem que ela fica linda de vermelho, mais ela se prefere de branco, acho que isso tem a ver com sua futura profissão, ou não.
Ela não tem mais tantos amigos, mais os verdadeiros ainda estão com ela.
Tanta coisa mudou, mais tem outras que continuam do mesmo jeitinho.
Ela gosta das coisas difíceis,o fácil pra ela não tem muito valor.
Mais ela gosta de coisas simples, ela é estranha. Bipolar como eu disse.
Hoje tá feliz amanhã triste
hoje carente, amanhã não mais.
Hoje ela quer o passado dela de volta
mais amanhã ela já não o quer mais, acho que prefere visitar ele, morar não dá mais.
Ela não escreve mais tão bem, a afinidade que ela tinha com as palavras, foi embora junto com a vontade dela de escrever.
As vezes bate saudade de sentir dor,e correr pra escrever
de sentir amor, e correr pra escrever.
Mais sei la, ela ta mais fechada, BEEEM mais fechada, e não escreve mais, guarda tudo, antes guardava tudo em folhas de caderno, paginas da Internet, mais hoje, guarda a sete chaves, dentro de si mesmo.
É que nem os seus sonhos, eles ficam só entre ela, e o seu travesseiro.
Sonho pra ela não é algo que começa com o fechar dos olhos e acaba com o amanhecer, isso pra ela chama-se sono.
Sonho pra ela começa a todo momento e só termina quando vira realidade.
Ela mora sozinha,cozinha, limpa, faz tudo, mais isso não significa que ela é responsável looonge disso, beem longe. Talvez seja até irresponsável demais ou melhor responsavel de menos.
Ela tem a imunidade baixa e por isso vive resfriada, as amidalas dela já são grandes então inflamam com mais facilidade ainda.
Ela é medrosa sabe, mais não admite isso nem pra sua própria imagem no espelho.
Ela é sincera, é isso acho que nasceu com ela e vai morrer com ela, tem certos defeitos que a gente nunca consegue mudar. A sua sinceridade já fez ela machucar muita gente, mais isso tem MUITO a ver com a filosofia dela de viver : '' Me faça sofrer com a verdade, não me faça feliz com a mentira ''.
Isso viro filosofia depois que sofreu com um amor, que só ela amou. Ele diz que amou também, mais outra filosofia dela é '' quem ama não trai''.
É ela tem bastante filosofias, até demais.
Ela peeensa muito, e ainda sim age muitas vezes sem pensar.
O estilo bipolar a persegue.
Ela consegue ser muitas em uma, MUUUUITAS mesmo.
Mais tem uma, uma que mora dentro dela, que é a mais meiga, e mais simples. Essa é a verdadeira ela, ou não.
A vida a ensinou muitas coisas, a maioria delas ela só aprendeu na dor, sim é uma cabeça dura.
Ela anda sentindo coisas no estômago(borboletas) dela, e não é fome, mais ela até pensa que é, e come, come e come pra ver se isso desaparece , talvez seja por isso que tenha engordado um pouco.
Ela não se permite muitas coisas, ela tem um pé atrás pra quase tudo, na verdade dois.
Ela começo escrevendo isso, achando que ia se resumir em 10 linhas, talvez tenha passado disso, e quer saber ?!
- Ela nem conto metade do que ela é, ela é muitas em uma só.
E quer saber mais ?!
- Talvez ser bipolar não seja tão ruim assim.



9 comentários:

Carla D. disse...

Obrigada pela visita lá. Gostei de seu blog :)


E as coisas mudam, porque elas precisam mudar, tem que mudar.

Beeeijo !

Mariana Amorim disse...

Como seu texto me soou familiar. Sempre tenho a sensação de ser um turbilhão de emoções. Uma hora down outra up. Adorei, viu. bjs

Ariadny Theodoro disse...

Também sou muitas em uma só ás vezes imploramos por mudanças e quando elas chegam percebemos que são necessárias mas nem sempre são positivas

Rach disse...

ela não é bipolar...

é humana. e maravilhosamente complexa.
e diferente.
e estranha, sim...mas única.

Carol Garcia disse...

ee a Looh é exatamente assim,
uma pessoa que causa uma coisa diferente em nós.
bjs *-*

Carolina Hermanas disse...

Autobiografia :)

Carol Garcia disse...

não consigo comentar no seu outro blog de jeito nenhum, e queria mt comentar adorei aquela frase .
to morrendo de sdd das suas frases !
e de você ~
bjs *-*

Nay disse...

*_*

JM disse...

Oii, achei seu blog por acaso e achei mt interessante... Me indentifiquei bastante com algumas coisas que voce disse, beijooos